No Dia das Crianças transforme o seu filho em um leitor

Através da leitura, é possível olhar o mundo pelos olhos do outro. Conhecer as dores e as alegrias que às vezes nem percebemos no outro. O Dia das Crianças pode ser um bom momento para refletir sobre leitura.

Descobrir as várias realidades que existem na realidade que habitamos.

Refletir sobre os problemas que nos afetam, que enxergamos como imensos, e que na verdade podem nem ser tão grandes assim e, quem sabe, outras pessoas estejam vivenciando também (e fica mais fácil inclusive buscar por ajuda e uma solução em conjunto).

Mas a leitura vai além disso.

Você pode estar sozinho, mas com um livro você nunca estará solitário. Cultivar a leitura é cultivar o espírito de conciliação com o outro. E que falta nos faz, nos dias de hoje, esse tal espírito de conciliação.

Não precisa ser alfabetizado para a leitura. Desde a tenra idade, existem livros que trabalham com percepções visuais e táteis que educam desde cedo, contribuindo para o crescimento afetivo e intelectual.

A leitura aproxima os familiares. Ler para o seu filho antes de dormir é um momento mágico dividido pela família.

Tenha a certeza de que ele vai carregar esses momentos para sempre em seu coração.

Mas atenção! Muitos pais querem que o filho seja leitor, mas alguns pais não são.

Está provado que o primeiro modelo de leitor para a criança são os pais e depois a escola, na figura do professor.

Não se ensina uma criança a gostar de ler.

Você, como leitor, compartilha o seu amor pela leitura e vai ser a partir disso que a criança começa a trilhar o seu caminho, escolhendo seus autores, histórias e personagens preferidos.

Se você não é um leitor, este pode ser um bom momento para, junto com o seu filho, descobrir o prazer da leitura.

Se você têm filhos entre 10 a 12 anos, gostaria de apresentar um livro em quadrinhos que apresenta de uma forma bem curiosa a vida e a obra de um dos maiores escritores do nosso país.

Um ótimo presente para o Dia das crianças.

Cheio de referências do estilo de narrativa mangá, um tipo de quadrinho japonês que as crianças adoram. 

Uma aventura que se passa pela ruas do Rio Antigo, na cidade do Rio de Janeiro, no século XIX.

Uma série de mistérios que precisam ser desvendados pelo jovem escritor Machado de Assis com a ajuda de seus principais personagens literários (como Brás Cubas, entre outros).

O livro em quadrinhos mistura a vida e a obra desse grande autor.

Não é adaptação de um livro, mas uma ficção sobre a juventude de Machado de Assis. 

Uma narrativa com a cara da nossa cultura.

Crianças adoram quadrinhos porque ali encontram o melhor dos mundos do cinema e da literatura, sem ser nenhum dos dois. Também é uma ótima mídia para incentivar a leitura. 

Você pode ler gratuitamente as páginas iniciais.  Basta clicar AQUI. 

Quando a gente compra um brinquedo para as crianças, elas brincam por um tempo e depois abandonam.

Mas quando você compra um livro, elas vão ler e reler mil vezes com a mesma alegria da primeira vez.

Pense nisso. Transforme seu filho em um leitor no Dia das crianças.  

Deixe um comentário