Os 4 pontos essenciais no patrocínio feito por empresas

pexels-photo-90333

O patrocínio feito por empresas não é diferente de um processo que envolva planejamento e gestão.

O que apresentaremos aqui é uma visão geral quando uma empresa implementa um processo que envolva patrocinar um projeto cultural.

Como dissemos, não é diferente de outro processo, o que ocorre são pequenas diferenças, conforme a natureza do projeto, mas, principalmente o objetivo que a empresa busca quando patrocina um determinado projeto.

Tudo começa com o marketing e uma possível mudança quanto a sua formulação.

Neste item, entra em ação a estratégia.

A estratégia refere-se ao desenvolvimento de políticas que tenham como foco o patrocínio.

Um possível modelo de seleção atrelado ao desenvolvimento de políticas que irão priorizar e determinar um leque de opções na elaboração do patrocínio.

Há também a revisão de valores, os recursos que ficarão à disposição para a tarefa.

O planejamento é a fase em que se discute os objetivos; quando um plano é elaborado para implementar uma política de patrocínio.

É a fase em que se prepara a contratação, o trabalho com o branding e quais prioridades serão elencadas.

Na execução, é dado o início da implementação do que fora planejado antes.

É feito o controle dos valores, mobilização dos recursos.

O processo de comunicação é iniciado para a busca por fornecedores que se encaixem na proposta da empresa.

Esta fase para o proponente de projetos culturais é desgastante, pois mesmo havendo um bom projeto, não significa que a empresa vai patrocinar, pois pode não ser aquela demanda.

É o momento que a pesquisa para identificação com possíveis empresas patrocinadoras é fundamental.

Mas voltemos ao assunto do artigo.

O quarto ponto essencial é o acompanhamento do processo: a revisão.

A análise do investimento, se ocorreu conforme o planejado.

Uma possível renegociação para um novo projeto, caso tenha sido bem sucedido.

Ou uma eventual saída, caso não tenha atingido o mínimo da meta estabelecida para a proposição do patrocínio.

Assim, são esses os 4 pontos essenciais: estratégia; lançamento; execução e revisão.

Porém é importante que a empresa adote critérios e saiba que patrocinar um projeto traz benefícios e fortalece sua marca junto ao público consumidor e à sociedade, permitindo que se estabeleça

sua cidadania corporativa na sociedade, algo que ainda é novo para muitas empresas brasileiras.

Como sua empresa está se preparando para patrocinar um projeto cultural?

Tem alguma dica para compartilhar conosco?

Se ficou interessado por mais informações, envie um e-mail para contato@primalstudio.com.br Somos uma produtora cultural com projetos aprovados.

Assine a nossa newsletter e nos acompanhe nas redes sociais.

Deixe um comentário