Como participar de editais de cultura

pexels-photo

Participar de editais de cultura não pode ser algo baseado na sorte, mas na leitura (e releitura de todo o edital).

Neste post, vamos destacar um trecho do Manual Nerd de Produção Cultural que está relacionado a esse tema.

O manual é um ebook que a Primal Studio disponibiliza gratuitamente para todo aquele que se interessa por produção cultural e está iniciando algum trabalho nesta área. Quem tiver o interesse, pode enviar um e-mail para contato@primalstudio.com.br para receber o material.

“O que vamos apresentar aqui é uma visão geral que vai poder te orientar na produção do seu material: seja um livro, uma HQ, animação etc.

Um projeto cultural, em suas linhas gerais, que pode ser adaptado para um edital, PROAC ou alguma outra lei cultural.

Preparado para a aventura? Vamos lá.

Existem várias possibilidades quando buscamos leis de incentivo à cultura, mas o principal é: tenha, antes de tudo, um projeto já montado!

Parece bobagem, mas é a pura verdade. Muito pessoas correm contra o tempo para entregar um projeto para participar de um edital etc. em cima da hora e muitas vezes o projeto está mal elaborado e não é aprovado.

E, claro, isso irrita muito.

Mas o que acontece é o seguinte: você primeiro precisa montar o seu projeto.

Editais aparecem a todo momento, não se preocupe.

Depois busca por um edital ou alguma outra lei de incentivo à cultura.

Sempre há editais abrindo e fechando, fique calmo.

O que é legal fazer é ir anotando os períodos de lançamento, inscrição e preparando-se quanto antes.

Apressado come cru! Tenha antes um projeto pronto. Depois procure as leis.

Para utilizar  esses mecanismos de incentivo à cultura, você precisa ter um mínimo de experiência na área que você quer atuar.

Em média pedem de um a dois anos de experiência na área e em alguns casos, que seja consecutivo, ou seja, os últimos dois anos.

Um modo de você mostrar experiência, caso você não tenha, é escrever sobre o assunto, participar de evento…

Enfim, ter uma atuação cultural na sua área. E não cair de paraquedas na sua área cultural. Isso é muito importante pois você vai fazer contatos, conhecer melhor o mercado.

Agora vamos pensar no projeto…Todo mundo tem boas ideias, mas elas estão lá em nossa mente, imóveis.

Quando começamos a planejar, aí temos grandes desafios.

o primeiro desafio: planejamento é fundamental.

O que você quer realizar?

Aqui nasce o primeiro ponto:

Qual é o objetivo do meu projeto?

Escreva no máximo uma lauda (uma página). Mas que não seja muito resumido também.

É muito importante que objetivo esteja dividido em objetivos gerais e específicos.

Em geral, um resumo do projeto também é solicitado. Mas escreva isso depois que terminar de elaborar todo o projeto…

……………………………………………………………………………………………………………….

Aqui vão algumas dicas:

– leia o edital todo antes de preencher o formulário. Leia se possível três vezes e marque os itens principais. E tire dúvidas, faça contato;

– evite deixar para última hora o envio e o preenchimento. Sempre dá problema e é difícil o prazo de encerramento mudar;

– se você não terminou de montar todo o projeto, faltando duas semanas para o encerramento, ou menos, não se inscreva. Deixe para a próxima. Um projeto pode levar até mais de dez dias para ser montado. Isso só vai gerar estresse e um projeto mal feito;

– todo edital tem um item em que são apresentados os critérios de seleção de projetos. Leia e marque e veja se o seu projeto atende aos critérios…”

Você vai participar de algum edital de cultura?

Gostou das dicas que foram retiradas do manual?

Se ficou interessado por mais informações, envie um e-mail para contato@primalstudio.com.br e peças seu ebook. É gratuito.

Somos uma produtora cultural.

Assine a nossa newsletter e nos acompanhe nas redes sociais.

www.primalstudio.com.br

Deixe um comentário